OPINIÃO PÚBLICA(OP) – REDE GLOBO inicia nova perspectiva política.

Domingo 21:30 h OPINIÃO PÚBLICA(OP) – REDE GLOBO, começa nova ação política.

-Juiz crítica o STF e ensina como os políticos devem agir políticamente.
– Juiz declara que processo e julgamento deve agir conforme a lei.
– Juiz declara que problema é políticos não agirem em defesa do processo jurídico.
– Juiz declara que é vergonhoso tentar impedir o combate da corrupção.
– Juiz assume que é um ente político, sua fala não é de um juiz
– Repórter incentiva o ataque pelo juiz ao Congresso Nacional.
– Juiz declara que pode haver “equívocos” na colaboração premiada.
– Repórter diz que há críticas nas prisões prolongadas para forçar a delação premiada.
– Juiz diz que a absoluta maioria das delações foram realizadas com pessoas em liberdade.
– Juiz compara corrupção com casos de Serial Killer, que é necessário o julgamento drástico para punir corrupção.
– Repórter: Como é avaliado pelo juiz as críticas às prisões em Segunda Instancia, que no STF é criticado.
– Juiz declara que o julgamento final como definitivo para prisão ele declara que não mude a prisão em segunda instância. E declara que é importante ter provas. E é importante os acordos das delações premiadas.
– O ex-presidente Lula se diz perseguido.
– O juiz diz que é complicado.
– O Repórter pergunta se condenou Lula sem provas que os advogados declaram isso.
– Juiz diz que condenou de acordo com o que entendeu.
– Juiz não tenho nenhum processo à julgar com o ex-presidente de partido, que sentou ocasionalmente ao meu lado. Resposta à pergunta de foto divulgada nas redes.
– Juiz declara que a competência é Curitiba pelas cortes superiores.
– A lava jato começou com um caso de parlamentar paranaense e se vinculou à questões de corrupção na estatal do petróleo, por isso está em Curitiba.
– o relativo sucesso da lava jato é um triunfo coletivo e do apoio da opinião pública e da sociedade civil e não de uma pessoa.
– Repórter: a lava jato está perto do fim? ( propaganda interrompe entrevista)
– Entrevista volta com a pergunta novamente.
– é uma pergunta complicada e a justiça está hoje espalhada com processos de corrupção por vários outros locais. Me parece que o trabalho em Curitiba já percorreu bom caminho.
– Juiz declara que vai a até o fim.
– Repórter: sofreu ameaças?
– Juiz vou pular a resposta.
– Repórter: como se sente quando aparece nas pesquisas eleitorais.
– Juiz: não vejo sentido em pedir para retirar meu nome das pesquisas e não serei candidato.
– Repórter: o que espera pós lava jato?
-Juiz: a lava jato não vai acabar com a corrupção e espero que ela acabe bem. A justiça começou o combate à corrupção com a ação 470.
Juiz passa a falar politicamente sobre loteamento de cargos públicos, passou a falar exclusivamente de política, não mais é, o que disse ser opção pessoal: JUIZ.
Assim encerrou a entrevista exclusiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *